Descubra o que é Customer Health Score e como calculá-lo

4 minutos para ler

Quem tem um e-commerce ou uma empresa de software sabe o quanto é preocupante quando clientes devolvem compras, cancelam assinatura ou, simplesmente, nunca mais voltam a querer fazer negócio. Mas você sabia que o Customer Health Score pode ajudar você nesse aspecto?

Sobreviver a partir da satisfação dos consumidores exige uma postura mais ativa por parte do gestor, a fim de garantir retenção e fidelização. Nesse sentido, o Customer Health Score serve para entender o “estado de saúde” do cliente, a fim de prever possibilidades de desistência, insatisfações, devoluções de mercadorias, entre outros.

Acompanhe a leitura e entenda melhor como isso funciona! 

O que é Customer Health Score?

Como estávamos falando, o Customer Health Score é um indicador da saúde do cliente. É uma métrica que avalia níveis de satisfação com o produto ou serviço, a possibilidade de voltar a fazer negócio e a realização pessoal após a compra. 

O principal objetivo é diminuir a quantidade de clientes que apresentam riscos de desistência na relação com a marca e aumentar a quantia dos que estão propensos a se tornarem compradores recorrentes.

Ele adota um esquema de pontuação que mostra quem está engajado e quem parece desestimulado. Parte do pressuposto de que todo cliente que um dia desiste da relação já havia pensado sobre essa possibilidade antes, e dá indícios de desagrado. 

É um complemento ao NPS (Net Promoter Score), mas difere dele por viabilizar uma classificação mais personalizada, que atende cada negócio, de forma única.

Qual a importância do Customer Health Score?

São várias a vantagens. Confira algumas!

Aumentar o faturamento

A partir do momento em que a empresa identifica, com antecedência, os anseios do consumidor, pode agir antecipadamente e evitar aborrecimentos. É possível prever comportamentos, melhorar o atendimento e, com isso, aumentar o faturamento.

Aumentar as recompras

Já dizia Kotler: fidelizar clientes é mais barato que conquistar novos. Isso porque as ações para engajar os consumidores mais recentes são mais dispendiosas e exigem mais tempo. Um cliente leal já confia na marca, finalizando a jornada de compras de forma mais rápida.

Metrificar resultados

Para saber se estamos no caminho certo é necessário analisar os efeitos de nossas ações. Ao lidar com consumidores, a melhor forma de fazer isso é avaliando o nível de receptividade deles em relação ao produto ou serviço. 

Como estabelecer métricas de Customer Health Score?

O Customer Health Score trabalha com pontuação numérica. A métrica é customizada, então cada lojista pode construir a sua. Algumas dicas são:

  • avaliar cross sell e up sell;
  • medir a taxa de conversão e comparar com a de carrinhos abandonados;
  • medir o ticket médio;
  • analisar a interação dos usuários nas redes sociais;
  • avaliar queixas no Reclame Aqui;
  • encontrar comentários sobre a marca e reviews, que podem ser deixados em qualquer outro site ou rede social;
  • analisar o NPS;
  • ter insights de ferramentas como CRM (Customer Relationship Management) e mapas de calor;
  • medir o nível de devoluções e trocas;
  • medir as reações com outros investimentos de marketing, como anúncios pagos e e-mail marketing.

Os pontos de cada item são estabelecidos de acordo com as necessidade de cada negócio e podem ser ajustados e otimizados com o tempo. A pontuação somada deve ser de 0 a 100 e é preciso definir um score que represente a necessidade de a loja intervir na situação.

Quais ações adotar para evitar a queda do indicador?

Por fim, as ações a serem adotadas em um e-commerce giram em torno de oferecer boa experiência de compra, garantia de satisfação após a aquisição, comunicação gentil e eficiente, engajamento saudável nas redes sociais, manutenção da relação por meio de e-mail marketing.

Assim, o Customer Health Score é uma das métricas mais importantes para avaliarmos a possibilidade de crescimento e de sucesso do e-commerce, não devendo ser deixada de lado. Implementá-la tornará o negócio ainda mais escalável, ao longo do tempo.

Gostou do artigo? Compartilhe nas redes sociais, para que outras pessoas também tenham esse conhecimento!

Powered by Rock Convert
Posts relacionados

Deixe um comentário