Veja as 5 melhores práticas para evitar ruptura de estoque!

6 minutos para ler

A manutenção da disponibilidade em um estabelecimento comercial é essencial para as vendas dele. Afinal, sem ter produtos, fica impossível vender, certo? É por isso que você deve ter atenção dobrada para monitorar a ocorrência de ruptura de estoque em seu negócio.

Você já ouviu falar nesse conceito? A ruptura de estoque é um indicador de disponibilidade que acusa a falta de um produto. Ficar de olho nela possibilita evitar que seu cliente tenha uma experiência ruim ao tentar comprar de você e passe a preferir seus concorrentes.

Existem diversas formas de minimizar o risco de ocorrer ruptura de estoque, já que se prevenir é fundamental para que o problema tenha menos chances de ocorrer. Basta reservar parte do seu tempo a entender a raiz do problema, modificar alguns de seus processos e contratar soluções eficazes.

No artigo a seguir, você aprenderá mais sobre o conceito de ruptura de estoque e como minimizar o risco de passar por esse problema em seu estabelecimento. Boa leitura!

O que é a ruptura de estoque?

A ruptura de estoque ocorre quando há falta de um produto no momento em que o consumidor deseja comprá-lo. Ou seja, há a intenção de compra, e aquele item faz parte da seleção de produtos disponibilizada pelo estabelecimento. No entanto, naquela instância, o item está em falta.

Esse problema pode ocorrer por diversos motivos diferentes, indo desde questões de abastecimento até erros na gestão de dados de disponibilidade. Seja como for, pode causar frustração no consumidor e levá-lo a preferir comprar de um concorrente.

Como outros dados de disponibilidade, a ruptura de estoque pode e deve ser monitorada. Somente assim será possível minimizá-la ao implementar processos focados em preveni-la em seu estabelecimento.

A ruptura de estoque pode ocorrer por motivos como:

  • erros de previsão de demanda, seja ela convencional do dia a dia ou para épocas especiais do ano;
  • abastecimento incorreto na loja, como colocar o produto na gôndola errada;
  • pedido para reposição do produto já ter sido efetuado, mas ainda não entregue à sua loja;
  • falta de organização no estoque, fazendo com que o produto seja perdido ou registrado incorretamente;
  • nenhum hábito de acompanhar dados de disponibilidade e realizar previsões de demanda.

Por que a ruptura de estoque é um problema a ser combatido?

O principal impacto negativo causado pela ruptura de estoque é que seu cliente não consegue realizar a compra que ele gostaria. Isso tem diversos efeitos possíveis, indo desde a decisão de não comprar mais em seu estabelecimento, até passar a preferir consumir em um concorrente.

A ruptura de estoque é um problema apenas para o estabelecimento. Afinal, o consumidor é livre para tentar encontrar aquele produto em outra loja. Se você não se preocupar com isso, tende a perder cada vez mais clientes.

O pior de tudo isso é que a ruptura de estoque é um problema que pode ser minimizado com as ações estratégicas corretas. Ou seja, é um caso de perda de resultados que pode ser prevenida de maneira simples e eficaz.

Como evitar a ruptura de estoque?

Agora que já ficou nítido o quão negativa é a ocorrência de ruptura de estoque, o próximo passo é saber como minimizá-la. Trabalhar com o objetivo de diminuir as chances desse problema é uma ótima postura para garantir resultados superiores para seu estabelecimento.

Quer ver? Confira, a seguir, as 5 melhores práticas para evitar ruptura de estoque:

1. Capacitar sua equipe

Muitas das causas da ocorrência de ruptura de estoque devem-se a erros ou decisões erradas tomadas pela equipe do próprio estabelecimento. Experimente realizar treinamentos e reforçar orientações sobre boas práticas para o dia a dia de trabalho junto a essas pessoas.

Por exemplo, se a ruptura de estoque está acontecendo por registros incorretos feitos no abastecimento, então é preciso orientar adequadamente as equipes a respeito de como fazê-lo corretamente.

2. Contar com a ajuda da tecnologia

A tecnologia é uma das principais aliadas da análise de dados de disponibilidade. Monitorar a ruptura de estoque é impensável sem a ajuda de um software que seja capaz de captar esses números e possibilitar diagnósticos estratégicos para você.

O uso de um software de gestão de estoque possibilita não só prevenir a ruptura como também se basear em seus vários outros indicadores para detectar oportunidades valiosas de negócios para seu estabelecimento.

3. Preparar-se para sazonalidades

Determinadas épocas do ano passam por aumentos significativos na procura de certos produtos. Acompanhar essas tendências, registrá-las e preparar-se para elas é uma parte fundamental de um trabalho no varejo para evitar ruptura de estoque.

Pense no seguinte exemplo: a procura por chocolates aumenta consideravelmente na época que precede a Páscoa, certo? O estabelecimento que não se prepara para esse movimento tende a sofrer com ruptura de estoque desse tipo de produto.

4. Basear-se em dados confiáveis

Um bom monitoramento da ruptura de estoque é fundamental para você poder planejar e executar as ações adequadas para minimizá-la. No entanto, isso requer acesso a dados confiáveis, que reflitam a realidade do seu estabelecimento.

É por isso que você precisa investir tempo e recursos para garantir a acuracidade desses dados. Eles precisam ser constantemente auditados para que seja possível certificar-se de que estão corretos e correspondem à realidade.

5. Conhecer seus clientes

Nenhum negócio consegue sobreviver se não conhece as preferências e necessidades de seus clientes. Aprender com seu público é fundamental para que suas decisões estratégicas sejam sempre certeiras.

Além disso, é uma escolha que possibilita minimizar o risco de ocorrer ruptura de estoque. Afinal, você entenderá o que as pessoas mais procuram em sua loja, em quais momentos e com qual intensidade – informações muito valiosas para você se planejar.

A ruptura de estoque é um problema que requer sua atenção para que seja minimizado. Ao negligenciar atenção a esse risco, você tende a frustrar seus clientes e levá-los até seus concorrentes. Evite que essa ocorrência continue comprometendo seus resultados e comece já a implementar um plano focado em solucionar essa questão.

Fique por dentro de mais dicas estratégicas para alavancar seu negócio das formas corretas. Basta cadastrar seu e-mail e começar a receber nossa newsletter!

Powered by Rock Convert
Posts relacionados

Deixe um comentário